Vestibular 2011 – UnB/DF

Os gabaritos divulgados são referentes à prova do vestibular tradicional UnB acontecida no dia 18 de dezembro de 2010 na cidade de Brasília/DF. Os gabaritos foram conferidos com os oficiais divulgados pela UnB e – se não fosse o item 50 – acertaríamos TODOS!

Os números divulgados são de itens puramente geográficos ou com disciplinas que possuem uma ligação direta (interdisciplinaridade) com a geografia. Todos os comentários foram elaborados pelo Prof. Marcos Brandão.

Os itens referem-se ao Caderno Razão, mas através dos comentários pode-se chegar facilmente à conferência dos itens de outros cadernos.

Se preferir baixe as provas aqui

8 – E – Mudanças climáticas afetarão os povos de forma heterogênea e não homogênea

15 – C – Nas linhas 5 e 6 do texto, a afirmação de “… que o mundo civilizado não pode tolerar que sejam ignorados [os crimes contra a paz no mundo], uma vez que este não seria capaz de sobreviver à repetição daqueles” indica o sentimento de vingança citado no item.

17 – E – A comemoração é do vigésimo aniversário da reunificação alemã e não quadragésimo.

23 – C – A partir do AI5, a ditadura militar tornou-se mais cruel (final do governo Costa e Silva e todo o governo Medici)

26 – E – Na América Latina a tortura e castigos cruéis foram introduzidos desde a época da colonização.

28 – Letra C – Item que por eliminação chega-se ao gabarito, pois na letra A afirma-se que é uma forma de tortura menos cruel (toda tortura é cruel); letra B: a adoção é facilmente justificável (sobre a tortura? como assim!?); letra D: essa prática é eficaz demonstrada na administração de Bush (o governo Bush foi um desastre – difícil determinar algo eficaz nele, e a tortura que não seria o caso mesmo).

29 – E – Não houve a reforma política que garantiu direitos da população na era Deng Xiaoping.

42 – E – Infere-se do texto que a presença da atmosfera decorre do tempo geológico e não da presença humana que veio muito depois.

45 – C – A palavra chave do item é a interligação e ela acontece a partir do surgimento dos elementos que compõem a terra (da atmosfera aos fenômenos físicos).

47 – C

48 – E – Flutuações cambiais em transações internacionais afetam todo o mundo globalizado.

49 – E – Para exploração do pré-sal é necessário desenvolver muita tecnologia de ponta.

50 – Gabarito UnB C – Gabaritamos E por entender que o fator determinante a que o texto se refere é o investimento em pesquisa e inovação tecnológica e não a desativação de empresas mineradoras estrangeiras (que inclusive ajudaram e ajudam no desenvolvimento de novas tecnologias). Mas a UnB entendeu que o “reforça a desativação…” cabe o gabarito

51 – E – Não se tem notado (nem noticiado) que o consumo de minerais vem diminuindo no mundo por causa do uso de outras matrizes energéticas.

52 – C – Item muito ambíguo, pois a palavra mais correta seria ‘estrutura geológica’ e não ‘tectônica de placas’ como escreveu o item. Ex: a tectônica de placas é importante para a localização de recursos minerais (pré-sal serve como exemplo), mas fundamental como quer o item, entendemos que aí o conhecimento envolve a estrutura geológica (essa explicação induz o gabarito à marcação de ‘Errado’, mas gabaritamos ‘Certo’ por achar que o Cespe/UnB não deve cobrar essa profundidade teórica do aluno de 3º ano – Pensamos na lógica certa, pois o gabarito oficial da UnB divulgou ‘Certo’).

53 – Letra B – Para resultar em ganho social tem que haver educação e cidadania inclusos. Política pública não é sinônimode ganho social.

59 – C – Um item que deu muita discussão na sala de professores da UnB por causa do “sem prejuízo aos ecossistemas”. Gabaritamos correto por separar impacto ambiental e ecossistema, ou seja, a relação homem X natureza causa impacto ambiental, mas se pensada de maneira cidadã a formação territorial, pode não causar prejuízo/desequilíbrio ao ecossistema (conjunto de fatores bióticos e abióticos que atuam simultaneamente sobre determinada região). Outro item pensado na lógica do gabarito oficial UnB.

63 – C – O gabarito leva-nos a analisar o conceito de processos endógenos (internos da terra) e exógenos (externos da terra).

66 – Letra A – A figura e o texto mostram o problema de ondas que invadem a costa – erosão costeira ou marinha, que se desenvolve com o avanço das águas do mar sobre o litoral.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: